Secretaria de Meio Ambiente e Polícia Ambiental fecham aterro irregular na Estrada do Padre Inácio

00/00/0000

Aterro irregular é crime ambiental e deve ser denunciado. Quem colabora com o fim dessa prática ajuda a diminuir os danos ambientais e a preservar o verde. Foi através do recebimento de uma denúncia, que a Secretaria de Meio Ambiente flagrou um caso reincidente de aterro irregular na Estrada do Padre Inácio, na região do Jardim São Miguel. Em uma ação conjunta das Secretarias de Meio Ambiente, Obras, com apoio e reforço da Polícia Civil do Estado de São Paulo, Guarda Ambiental e Delegacia do Meio Ambiente de Barueri, o aterro foi fechado nesta terça-feira (5/1). O aterro havia sido fechado há alguns meses, inclusive pela CETESB- Companhia Ambiental do Estado de São Paulo, que comprovou através de vistoria que o local é inadequado para descarte de entulho ou qualquer tipo de resíduo. Como não havia licença ambiental para a execução do aterro, os responsáveis foram encaminhados à Delegacia do Meio Ambiente de Barueri, onde foi lavrado Boletim de Ocorrência, multa devido ao crime ambiental e reincidência, já que o fato configura crime ambiental previsto no artigo 60 da Lei de Crimes Ambientais. A Secretaria de Meio Ambiente investiga outras denúncias de aterros irregulares na cidade e pede a colaboração dos moradores para ajudar a coibir esse tipo de ação. As denúncias podem ser feitas pelo telefone 4703-5894, com a garantia de que sua identidade será preservada.



Outras notícias de Cotia