Supremo decide hoje se envia a acusação da PGR contra Temer para a Câmara

20/09/2017

A provável decisão do Supremo Tribunal Federal de encaminhar hoje diretamente à Câmara a denúncia contra o presidente Michel Temer por organização criminosa e obstrução de Justiça, e deixar para depois a análise da validade das provas da delação da J&F pode prejudicar a estratégia do Planalto de acelerar a agenda econômica na Câmara. A ideia do governo é ganhar tempo, se possível, até com o reenvio da denúncia para nova procuradora-geral da República, Raquel Dodge, para pautar o primeiro turno da reforma da Previdência.



Outras notícias de Saopaulo