Não se combate o crime com jargão de internet, diz Manuela D’Ávila

21/11/2017

Lançada oficialmente neste fim de semana pré-candidata à Presidência da República, a deputada estadual Manuela D’Ávila (PCdoB-RS) disse, em entrevista à Folha de S.Paulo, que a questão da violência será um dos principais eixos de sua campanha. Para a comunista, as propostas de seu concorrente, Jair Bolsonaro (PSC-RJ), resumem-se a “jargões de internet”. Ainda à publicação, ela defendeu a candidatura de Lula (PT) e disse que ele foi condenado sem provas pelo juiz Sergio Moro.



Outras notícias de Brasil