Jor. Zé Roberto e Tayna entrevistam Bognar

29/03/2018

Folha Oeste: Boa tarde a todos os amigos e amigas do Face estamos aqui no Folha Oeste vamos fazer uma transmissão ao vivo.
Eu jornalista Zé roberto.
O nosso entrevistado de hoje é o nosso amigo.
Sebastião Bognar Secretario da cultura.
Sebastião Bognar: Boa tarde a todos do Folha Oeste.
Eu estou a disposição do jornal.
Estou muito feliz em conta essa minha trajetória.
Quero agradecer pelo convite e me coloco a disposição para responder as suas perguntas e estou sempre a disposição.
Folha Oeste: Hoje aqui queria que você falasse um pouco do seu trabalho na na frente da secretaria dacultura.
Sebastião Bognar: Fico muito feliz de ser secretario da cultura um cargo muito importante a mim delegado pelo prefeito Rogério Lins, você poder servir a população queremos trazer melhorias na cultura, projetar novos eventos estamos trabalhando nisso também para os jovens, e para os idosos para ter um lazer bem melhor vamos retornar com essas atividades, mais sempre buscando o melhor possível para servir nossa população.
Folha Oeste: Conta um pouco de você para os Internautas.
Sebastião Bognar: Eu nasci em Álvaro de Carvalho - SP, em 17 de janeiro de 1953, passei minha infância em Garça e fui seminarista em minha juventude na cidade de Guaratinguetá.
Regressei a Garça e mudei-me para Osasco em 1969 onde iniciei suas atividades na feira, vendendo banana.
Em 1976, pelo engajamento em minhas atividades no centro cívico e na organização da classe dos feirantes fui indicado e como candidato e eleito vereador em Osasco.
Folha Oeste: Foi vice-presidente da Câmara Municipal de 1980 a 1982.
Sebastião Bognar: Exatamente Zé, Candidato a prefeito em 1982.
Fui secretário de esporte, recreação e turismo (SEDERT) SECRETARIA DOS DESPORTOS, RECREAÇÃO E TURISMO, entre 1983 a 1985, quando dirigi também a SECRETARIA DE CULTURA.
Folha Oeste: Em 1986 foi eleito deputado estadual e ao término do mandato, em 1990.
Sebastião Bognar: Sim me afastei-se da vida pública.
Mais em 2001, um convite do então prefeito Celso Giglio, eu retornei como titular da SECRETARIA DE MEIO AMBIENTE.
Fui eleito vereador em 2004 e reeleito em 2008.
Folha Oeste: O orçamento da sua pasta atende a demanda da cidade? Bognar: Olha, o orçamento é pequeno, como sabemos, porém com o pouco que temos vamos e já estamos fazendo muito coisa.
Vários eventos culturais estamos realizando na cidade.
Folha Oeste: Fora os CEUS, quais outras equipamentos públicos culturais para população de Osasco? Bognar: Temos o Teatro Municipal; Glória Giglio, com tamanha grandeza que exibe vários peças teatrais de nomes renomados.
O mais moderno teatro da região tem capacidade para 410 espectadores.
Além de espetáculos de teatro e música, abriga importantes eventos como festivais de dança e artes cênicas.
Centro de Eventos Pedro Bortolosso; Reservado à realização de eventos em geral Escola de Artes César Antonio Salvi; Abrange as áreas da música (violão popular e erudito, canto coral, técnica vocal e teoria musical), dança (ballet, dança contemporânea e dança do ventre), artes cênicas (iniciação ao teatro e iniciação a linguagem clown) e artes visuais (desenho, caricatura, introdução à pintura e à escultura, xilogravura, história da arte, ateliê avançado e artesanato).
Espaço Cultural Grande Otelo: Um dos mais completos espaços para eventos culturais da Região Oeste.
Dotado de moderna infra-estrutura, tem capacidade para 126 espectadores e todos os recursos para espetáculos de teatro, música, dança e exibição de filmes.
Museu Dimitri Sensaud de Lavaud: O chalé em estilo europeu, construído pelo banqueiro Giovanni Brícola, abriga o Museu de Osasco.
Na casa também morou o inventor Dimitri Sensaud de Lavaud, que, em 1910, construiu um aeroplano e realizou o primeiro vôo na América do Sul, em Osasco.
Estamos realizando eventos com artistas da nossa cidade, de diversas modalidades, como Rock, Sertanejo, Samba e outros, tudo isso para valorizar o artista local.
Pois a política não é contratar grandes nomes da música profissional, que despende de recursos e estamos em época de contenção de despesas.
Folha Oeste: Outra questão, quando aos blocos carnavalescos, estão surgindo novamente na cidade? Bognar: Sim, tivemos neste último carnaval, vários blocos que desfilaram pela cidade, hoje já são mais de 10 blocos inscritos na secretária, onde foi dado suporte para esses eventos, tais como palanques, banheiros químicos, fechamento de rua etc.
.
Folha Oeste: Osasco já esta calendário como a “Capital da Viola”? Bognar: Sim, valorizamos muitos esse título, que têm uma lei estadual reconhece a cidade como a “Capital da Viola”, outra municipal determina que haja todo mês de julho uma semana de eventos dedicados ao rock por lá.
Folha Oeste: Para a juventude a alguma modalidade para esses pequenos? Bognar: Sim, estamos ai com vários monitores, diversidade de ofertas e atividades de Cultura, Artes, Esporte, Inclusão Digital e Social.
Folha Oeste: Chegamos ao final quero agradecer nosso amigo Sebastião Bognar Secretario da cultura.
Muito obrigado pela sua visita na redação da Folha Oeste é uma satisfação.
Sebastião Bognar: Quero agradecer toda equipe do Jornal Folha Oeste comunicação ao Jornalista Zé Roberto a estagiária Tayna.
Muito bom bater esse papo e falar da minha trajetória bater esse papo com meu amigo, muito obrigado mesmo abraço a todos.
Sebastião Bognar Secretario da cultura.
Parabéns pelo seu trabalho.



Outras notícias de Entrevista


|>>>>Próxima