Folha Oeste




MARCO AURÉLIO MANDA AÇÃO SOBRE 2ª INSTÂNCIA PARA PLENÁRIO DO STF

19/04/2018

O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), enviou hoje (19) para julgamento no plenário da Corte uma nova ação declaratória de constitucionalidade (ADC) contra a prisão após a condenação em segunda instância. O processo foi aberto na quarta-feira (18) pelo PCdoB. A inclusão da ADC na agenda do plenário depende agora da presidente Cármen Lúcia, responsável pela elaboração da pauta de julgamentos. Marco Aurélio enviou a ação ao pleno antes de decidir sobre a concessão ou não de uma liminar (decisão provisória) solicitada pelo partido. Na nova ADC, assinada pelo jurista Celso Bandeira de Mello, que representa o PCdoB, o partido defende que uma pessoa só pode ser considerada culpada após o chamado trânsito em julgado, quando não cabem mais recursos em nenhuma instância da Justiça, incluindo o Superior Tribunal de Justiça (STJ) e o próprio STF. A legenda pede uma liminar urgente para “impedir e tornar sem efeito qualquer decisão que importe em execução provisória de pena privativa de liberdade sem a existência de decisão condenatória transitada em julgado”. A ação foi aberta pelo partido depois da prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que teve um habeas corpus preventivo negado pelo STF sob o argumento de que o entendimento atual da Corte permite a execução provisória de pena logo após o encerramento do processo em segunda instância, sem que seja necessário aguardar os recursos a instâncias superiores. Outras duas ADCs sobre o assunto tramitam no STF, uma de autoria da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e outra aberta pelo PEN (Partido Ecológico Nacional). O mérito de ambas ainda não foi julgado, mas Cármen Lúcia já indicou que não pretende incluí-las na pauta do plenário. Horas depois de o STF ter negado o habeas corpus de Lula, em sessão encerrada na madrugada do último dia 5, o advogado Antônio Carlos de Almeida Castro, conhecido como Kakay, que representava o PEN, entrou com um pedido de liminar para garantir a liberdade de todos os condenados em segunda instância que ainda tenham recursos pendentes. Logo em seguida, o presidente do partido, Adilson Barroso, destituiu o advogado e pediu a suspensão da ação, afirmando que o PEN é de direita e por isso não poderia defender algo com o potencial de beneficiar Lula.

Militar de voo presidencial é preso com...

Um militar da Aeronáutica foi preso na terça-feira (25), por porte de drogas em uma aeronave militar no aeroporto da ...

26/06/2019 - brasil

Em embate com governo, Centrão quer adi...

Líderes dos partidos do Centrão estudam pedir vistas e atrasar a votação da proposta de reforma da Previdência, cas...

25/06/2019 - brasil

Bolsonaro decide revogar decreto que fac...

O presidente Jair Bolsonaro revogou dois decretos assinados em maio que facilitaram o porte de armas de fogo. No lugar, ...

25/06/2019 - brasil

STF permite criminalização da homofobi...

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu nesta quinta-feira (13), por 8 votos a 3, permitir a criminalização da homofo...

14/06/2019 - brasil

Relator derruba capitalização na PEC d...

O deputado Samuel Moreira (PSDB-SP), relator da reforma da Previdência na comissão especial da Câmara dos Deputados, ...

14/06/2019 - brasil

Sexta Turma do STJ decide libertar ex-pr...

Por unanimidade, a Sexta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu liminarmente (provisoriamente) conceder ha...

14/05/2019 - brasil

Militares do Exército que fuzilaram car...

Reportagem do portal G1 nesta segunda-feira (8) informa que o delegado Leonardo Salgado, da Delegacia de Homicídios do ...

08/04/2019 - brasil

Datafolha: Bolsonaro tem pior avaliaçã...

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) tem a pior avaliação de um presidente eleito após os três primeiros meses de manda...

08/04/2019 - brasil

Temer vira réu na Lava-Jato por desvios...

O juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal, aceitou, nesta terça-feira (2), duas denúncias contra o ex-presid...

02/04/2019 - brasil

As mentiras espalhadas por Bolsonaro que...

Os primeiros meses do governo Bolsonaro renderam uma série de polêmicas e recuos. E mais que isso. Em quase 100 dias d...

02/04/2019 - brasil

PGR: STJ DEVE AVISAR DEFESA DE LULA QUAN...

A Procuradoria-Geral da República enviou nesta terça-feira (2) uma manifestação dando parecer favorável ao pedido d...

02/04/2019 - brasil

Desembargador determina a soltura de Tem...

O desembargador Antonio Ivan Athié, do Tribunal Regional Federal da 2ª Região, determinou que o ex-presidente Michel ...

25/03/2019 - brasil

Space X testa escudos térmicos para imp...

Depois de obter sucesso com a cápsula Crew Dragon para a Estação Espacial Internacional (ISS), Elon Musk parece ter m...

19/03/2019 - brasil

Guaidó tenta articular greve do setor p...

O líder da oposição venezuelana, Juan Guaidó, afirmou nesta terça-feira (5) que estava conversando com sindicatos p...

06/03/2019 - brasil

Neto do ex-presidente Lula morre aos 7 a...

Morreu na tarde desta sexta-feira (1º) o menino Arthur Araújo Lula da Silva, neto do ex-presidente Lula. O garoto tinh...

01/03/2019 - brasil

Aprovação do governo Bolsonaro é a me...

Passados dois meses, o governo de Jair Bolsonaro é visto como bom ou ótimo por 38,9% da população. É o resultado da...

26/02/2019 - brasil

Maduro diz que fechará fronteira da Ven...

Nicolás Maduro disse nesta quinta-feira (21) que a Venezuela irá fechar sua fronteira com o Brasil esta noite, a parti...

21/02/2019 - brasil

Governo anuncia demissão de Bebianno; F...

O porta-voz da Presidência da República, Otávio Rêgo Barros, anunciou nesta segunda-feira (18) que o presidente Jair...

19/02/2019 - brasil

Ricardo Boechat, jornalista, morre aos 6...

O jornalista, apresentador e radialista Ricardo Boechat morreu no início da tarde desta segunda-feira (11), aos 66 anos...

11/02/2019 - brasil

Concursos públicos abrem mais de 9500 n...

SÃO PAULO - Cerca de 90 concursos públicos abriram mais de 9500 vagas na última semana. Há oportunidades para todos ...

06/02/2019 - brasil

>

Av. Cesar Abraão, 157 | Osasco - 3682-5820 | jornalfolhaoeste@gmail.com