Jor. Nancy entrevista sindicalista Onofre pres. da CTB estadual SP e Zé Roberto Dirigente Regional

27/04/2017

“GREVE GERAL DIA 28! Este é o nosso tema principal da edição de hoje amigos. Uma gigantesca mobilização nacional está acontecendo nesta data muito significativa, pois hoje é “Dia da Prevenção de Acidentes no Trabalho”, dia este escolhido para a população ir as ruas se pronunciar contra as mudanças impostas pelo Governo Federal. O sindicalista Onofre Gonçalves visita à sede do Jornal

Folha Oeste: e junto com seu Coordenador Regional comentam como será esse grande dia que ficará marcado na história de nosso país”.

Folha Oeste:: Primeiramente bom dia a nossos entrevistados da semana, em nome de toda a Equipe do Jornal

Folha Oeste:. Sindicalistas Onofre e Zé Roberto: “Muito bom dia a todos os leitores desse veículo! Quero agradecer ao

Folha Oeste: pelo convite e me coloco a disposição para responder as suas perguntas.

Folha Oeste:: Como surgiu a CTB? Sindicalista Onofre Gonçalves: “Fundada no final de 2007, a “Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil” surgiu em um momento onde as centrais sindicais acabaram adentrando no cenário político e deixaram de representar os trabalhadores e suas categorias. Com a ideia de retomar esse papel, foi inaugurada com tamanho sucesso, que logo nos primeiros meses de sua existência já alcançava o patamar como a 3ª maior central sindical do País. Hoje a CTB representa centenas de Sindicatos e possui uma diretoria atuante no Brasil inteiro orientando, encaminhando e apoiando milhares de trabalhadores a qual representa. Seu atual presidente, Adilson Araújo, tem convocado as massas para protestos e manifestos populares por um País mais igualitário, defendendo programas sociais e atacando com muita garra os setores patronais que tentam inibir ou anular direitos dos trabalhadores. Todos os princípios e objetivos manifestados pela Central aqui são seguidos pelo Seu Sindicato. Conheça um pouco mais da CTB acessando: http://portalctb.org.br/“.

Folha Oeste:: Como está a agilização da Greve de hoje? Sindicalista Onofre Gonçalves: “Ela está assolando todo o país envolvendo brasileiros de diversos estados, grandes capitais e cidades gigantescas como Campinas, Ribeirão Preto, Osasco etc.”.

Folha Oeste:: Qual o objetivo principal da GREVE GERAL DIA 28? Sindicalista Onofre Gonçalves: “A Greve que é legítima e consolidada como a Lei determina, é para mostrar aos nossos Políticos e Governantes que o povo está atento a tudo que fazem. E a missão principal é dizer ao Governo Temer que ele só tem 4% de aceitação e que isto não lhe dá o direito e nem moral para simplesmente tirar os direitos dos trabalhadores que foram conquistaram junto com o Movimento Sindical ao longo destes 70 anos de existência”.

Folha Oeste:: As vias de acesso estão inacessíveis? Sindicalista Onofre Gonçalves: “E como! Todas as principais Rodovias, Marginais, Aeroportos de Cumbica e Congonhas, Metro, Trem, Transporte Coletivo, Comércio da Capital e Grande São Paulo, enfim todos unidos e motivados em “Parar o Brasil, em defesa da Aposentadoria e dos Direitos Trabalhistas”.

Folha Oeste:: Quais as categorias estão se mobilizando no dia de hoje? Sindicalista Onofre Gonçalves: “Todas: Ferroviários, Professorado, Advogados, Seguranças, Gráficos, Funcionalismo Público, Comerciários, Frentistas, Bancários, Aeroviários, Transporte Coletivo, Metroviários, Instituições Religiosas e até a Justiça do Trabalho. Enfim todas as categorias que estão indignadas com as medidas que o Governo vem tomando. O povo está do lado de quem fala a verdade e nós do Movimento Sindical temos certeza que esta é a maior greve da história que nosso país já teve”.

Folha Oeste:: Osasco e região estão sendo um exemplo? Sindicalista Zé Roberto: “A paralização organizada pelas centrais sindicais CGTB, CSB, CSP, CTB, CUT, Força Sindical, Intersindical, NCST e UGT e sindicatos de Osasco e região mostra que não só a minha indignação, mas a de todos mostra a não concordância com as Reformas absurdas que o Governo Temer está querendo que desça “goela” abaixo de cada um dos brasileiros. O povo está do lado de quem fala a verdade e assim mostramos o ao Brasil o que é ser exemplo de cidadania e patriotismo”.

Folha Oeste:: E a cidade de Osasco e região como está se mobilizando? Sindicalista Zé Roberto: “Nossa região oeste está mobilizada com movimentos sociais, estudantis, UJS, sem tetos, Intersindical, Professorados, Frente Brasil Popular, Povo Sem Medo, Movimento Passe Livre... vamos fazer uma grande paralisação e ser for possível, paralisamos também as estradas que cortam nossa regiao, ou seja, acesso negado as Marginais Pinheiros e Tietê, Rodovias Bandeirantes, Castelo branco, Anhanguera, Raposo Tavares e Regis além das principais Avenidas de acesso”.

Folha Oeste:: Qual o tripé que deve sustentar a democracia? Sindicalista Onofre Gonçalves: “É necessário sempre manter unidos e falando a mesma língua o Patrão, Empregado e Governo e desta forma naturalmente acontece o desenvolvimento sadio, sustentável e a CTB está muito bem consolidada nesta organização do tripé em todo o País”.

Folha Oeste:: Quando acontecem os Seminários da CTB? Sindicalista Onofre Gonçalves: “O tão aguardado “Congresso Estadual” acontecerá nos dias 24 e 25 no centro de São Paulo e concorridíssimo o “Congresso Nacional” será nos dias 24, 25 e 26 de agosto na Capital Baiana”. DIA 28 DE ABRIL VAMOS PARAR O BRASIL!

Folha Oeste:: Senhores nossa entrevista se finda e o espaço é de vocês para as considerações finais sobre seu slogan “Acabar com a Previdência é o fim do mundo!” Sindicalista Onofre Gonçalves e Sindicalista Zé Roberto: “A Greve de hoje marca mais um dia de lutas e conquistas do povo brasileiro que incansavelmente vai para as ruas “suplicar” que a Reforma na Previdência não aconteça. É um absurdo termos 1/3 do Congresso envolvido na “Operação Lava Jato” e os mesmos, sem qualquer gabarito estarem analisando e aprovando e votando a Reforma da Previdência. Na sequência nossa luta continua e no “Dia do Trabalhador” teremos grandes atos organizados pela CTB. Às 11hs grande concentração no Praça Osvaldo Cruz no bairro do Paraíso em São Paulo (inicio da Av. Paulista) e dali caminharemos até o MASP onde a partir das 12hhs acontecerão Shows Musicais e onde grande nomes do mundo sindical expressarão suas opiniões e esclarecimentos complementares sobre esta Greve Geral dia 28”.



Outras notícias de Sindical